Thursday, May 18, 2006

Amargo (não sei dizer em Italiano) fare niente!!!

Hoje não começo com "pois é"... Aliás hoje que não tenho nada em mente para escrever é que decido não começar com um desbloqueador de conversa...É disto!!! Estou no meu local de trabalho e graças às fabulosas aplicações da Microsoft em conjunto com o JAVA(supostamente a plataforma mais portátil que existe) tenho o computador a funcionar com pouco mais que um notepad à espera que o Disco arranje espaço para instalar uma nova versão JAVA que decidiu instalar-se mesmo quando a antiga funcionava perfeitamente...

Mas viva o "nerd" do Bill Gates, que sem ele eu não conseguia escrever nem uma linha, por outro lado já não sei escrever com caneta, ou demoro muito tempo ou sai uma gatafunhada que nem eu consigo ler...nunca mais inventam papel com teclado, ou uma caneta "QWERTY"...LOLOL

Neste momentoo meu PC voltou à normalidade, acho que já posso voltar ao que estava a fazer...

...volto já...

...1min...

...2min...

...

...5min...

Voltei!!!

O PC agora é que foi de vez!!! A M&#d@ do JAVA instalou uma versão que não funciona...$&dasss... Lá se vão os objectivos... Por falar em objectivos, noutro dia cheguei à conclusão que dizer que se faz é muito mais importante do que fazer. Ou seja, apesar de ser totalmente contra este tipo de comportamento e não o utilizar, no meu dia a dia, apercebi-me que as chefias ou por desconhecimento ou por não se quererem chatear, pouco controlo fazem sobre o que é feito pelos seus subordinados...O que abre uma janela para os calotes do trabalho...

Exemplo:
Eu posso começar 30 tarefas diferentes, sem terminar nenhuma, anunciar alto e a bom som que estou carregado de trabalho e que o projecto X ou Y está a pesar muito nas minhas actividades, depois como nunca ninguém me vai perguntar em simultâneo pelos 30 projectos, o que é que eu faço??? Mostro o projecto que estiver mais à mão (apenas o início porque não fiz mais nada) e digo que é muito pesado, mas que vou fazer um esforço e até vou atrasar os outros 29 para me dedicar 150% a este... Um chefe perante isto só pode pensar que eu sou super dedicado...

O pior disto tudo é que os outros que levam projectos certinhos e bem feitos do inicio até ao fim levam na cabeça porque não se percebe como é que nunca mais acaba uma tarefa quando o FULANO ou o CICRANO está envolvido com sucesso em 30 projectos...

Estou mesmo a divagar para aqui sem assunto nenhum interessante, nem as obras na VCI trazem novidades, todos os dias de manhâ acordo com a esperança de que vou encontrar um viaduto novo mas não, continuo a passar pelos mesmos remendos de asfalto no meio das obras e a dar cabo dos pneus da 12...

Hoje apercebi-me que os Domingueiros também são madrugadores... de manhâ há sempre um cromo, normalmente num fiat Uno vermelho que faz a VCI a 60km/h e nos radares reduz para os 40km/h, não vá o grande Irmão que espreita pelas câmaras que estão lá penduradas decidir-se a multá-lo por ir a 90km/h.
Sim! Para esta gente é tudo uma conspiração...(da banana, só pode ser)...das grandes empresas que como entidades abstractas são seres alienigenas que prestam serviços ao pobre do particular que se se distrair 5 seg, vai ser roubado em 2 ou 3 cent.

Isto é verdade, quem é que nunca depositou um cheque e soube que o dinheiro saiu do banco do outro e demorou 6 dias a chegar à nossa conta..."A mim ninguém me rouba!", porque nesses 6 dias onde é que está o dinheiro? Está a render para os "mamões" dos administradores do banco que foram lá colocados pelo governo...logo a culpa disto tudo é do Sócrates...

Pronto! Fiquei louco de vez... Começo um parágrafo a falar de Domingueiros e acabo a deitar a culpa ao Sócrates, é melhor parar por aqui...

Saudações

481 - D

PS - Não foi o outro Sócrates que tomou cicuta? Com o preço da gasolina como anda se calhar este Sócrates...pronto, pronto já me calei...

4 comments:

setedias said...

Tem calma! Não desesperes... amanhã já é sexta-feira!!!! :)

setedias said...
This comment has been removed by a blog administrator.
tero said...

Em italiano é Amaro.
Um abraço. Teresa

unresigned said...

Ah pois foi, também passei pela mesma saga do JAVA...monos q era bom, nada :D tem calma, já passou!